Maldade comparar Emily in Paris com Sexy in the City. Emily é uma Carrie Bradshaw (mais) chata, menos imaginativa e toda trabalhada no coaching. SITC pode ser machista (da 3a. temporada em diante) mas Emily, que é até divertido, tá mais pra um Dilbert do mundo Bizarro.